westoletheskies:

spaceexp:

Technology is rad

look at this please look soak it in tHIS IS R E A L

westoletheskies:

spaceexp:

Technology is rad

look at this please look soak it in tHIS IS R E A L

(via rnarmelade)

It’s been a while since i last wrote something. Reading the things I wrote made me realize how much I’ve changed in the past months, i used to be afraid of change, of the unknown, but now I’m ok with it. I learned that change is normal and life can be good even after changes.

Eu percebi que eu não te conheço nem um pouco. 

(Sentam-se no chão, frente a frente) 

Vem, senta aqui.

E aí, do que você gosta?

Eu acho que eu só estou com medo. Medo de desaparecer da sua memória. 
Às vezes eu fico aqui imaginando. Eu até consigo ver os Bonatinhos, correndo por aí, frutos seus de uma mãe desconhecida por agora. No futuro você vai ser um engenheiro (quimico, odeio química), amadurecer, vai ter uma casa, vai experimentar coisas novas, vai ter uma namorada, uma esposa, e um cachorro talvez. Sua família vai te visitar nas férias, você vai visitá-los, eles vão exclamar “Luccas, como seus filhos cresceram!” Daqui a pouco eles terão 15 anos, 30, 45, eles vão te perder para a única certeza dessa vida. E a vida continua…

E vai me esquecer, mesmo que não queira, você vai me esquecer.

E eu penso, não precisa ser assim. Você pode escolher ir embora. 

Eu não sei o que foi diferente em você, eu não sou assim, eu não faço isso, os caras que eu já gostei. sei lá, você tem essa coisa. Você é estranho, diferente. Eu nunca sei o que fazer quando estou perto de você, eu normalmente só rio. Já se passou tanto tempo, eu já devia ter esquecido, mas não… Eu sinto que há algo a mais.

Eu particularmente prefiro não imaginar meu futuro, parece sombrio demais. Mas me diga, como você acha que será o meu futuro, baseado em todas as informações que tens sobre mim?

E se algum dia sentir que precisa de um escape, pode me ligar, eu vou com você aonde for necessário. Pode ser que eu venha te visitar algumas vezes mais aqui e no Rio, talvez não.

Eu gosto do silêncio, você não?

Ah é, um bom lado de namorar Gabi seria ter bons retratos para colocar como foto de perfil… Eu vi a sua evolução de 2009 pra cá. Muito bonitinho. Cara! A sua família é tão linda, e parece ser tão divertida.

Mas, meu deus! Eu não consigo imaginar-te com uma garota qualquer.

2014

Well
I failed.
Someone else stole your fk from me.
And I could do nothing but watch
And pretend it didn’t hurt
But really it didn’t.
Why it didn’t hurt?
Don’t I love you anymore?
No.
It just that I’m tired of getting bruises in my heart for such ordinary things.
I’m more mature now.
I love you.
I crave you.
I miss you.
And I swear
I’ll kiss you.
In
2014.
Only.

G

I must own your first kiss
And You were supposed to own mine too.
It cannot end without my consent.
When are you going to understand
It’s only over when we’re dead.
It can’t be over. Not yet.
Don’t say that
Those words:
“I don’t love you anymore.”
Please.
Don’t tell me to go home.
Don’t tell me it’s over.
It’s not.
I know it.
I love you.

why do we act like we’ve never met? 

why do we act like strangers being side by side?

.

after all this time

i still think of you

fuck it

i love you

Gera um estado eufórico em mim

Ao seu ser se aproximar

Bata à porta, vem ser louco, ser confuso e

Rir ao meu lado na longa estrada

Insinue casos de amor, só não venha se dela ainda gostar 

E se por ventura considerar-me segunda opção

Lástima, então…

Assim, nem venha…

Adeus, meu amor

Estou num estado de melancolia aguda.

É tanta pressão em cima de uma garota de 15 anos. Um pressão imposta por ela mesma. Se fosse de sua vontade, seria possível aliviar esse peso das costas, esquecer os problemas, mas não… Ela precisa desses problemas, ele não pode desistir de coisas de tamanha importância assim, sem mais nem menos, mesmo que isso cause uma enorme angústia.

Oh! Vida, traz-me um pouco de felicidade, dá-me uma certeza certa além da morte, uma certeza para acalentar o coração de uma velha criança, que não quer nada além de amor e liberdade…